sentimentos, compras e viagens

by

Estou com saudade do meu namorado e estou com saudade de me sentir namorando com alguém.

São 23:00 da noite e agorinha meu pai vai me obrigar a dormir, e realmente é o melhor que eu tenho a fazer. Brasília tá fria e tá tão gostosa de se viver. Tenho gostado de morar aqui, mais do que todas as outras vezes, Meu micro apartamento anda cada vez mais meu e a minha vida também anda cada vez mais minha.
Não tenho saco pra muita gente que me rodeia, mas como elas só me rodeiam eu tento deixa-las no limete da convivência amigável. No geral eu só não gosto mesmo de insistencias no geral mesmo acho que nem sei o que estou falando.
Meu apartamento tá tão bagunçado que a minha flauta tá no sexto de roupa suja, meu apartamento tá tão bagunçado e eu não vou arruma-lo tão cedo porque tempo pra fazer o que não me interessa é tudo que menos tenho, porque correr atras das coisas que realmente importam agora é o que faz com que tudo deixe de importar.
Deitar na minha cama enorme, de óculos e com tantas outras coisas que não reconheço em mim.
Deitar na cama enorme, enorme que ocupa todos os espaços vazios cheios de alguma agonia, e escrever so pra mim coisas que na realidade só eu consigo entender.
Só queria deixar registrado, de alguma forma que agora eu tenho um blog pra mim, pras minhas coisas. É que voltei a ser o centro da minha vida, a tempo.
Mas você sabe que eu te amei.

by

tempo

A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando de vê, já é sexta-feira!
Quando se vê, já é natal…
Quando se vê, já terminou o ano…
Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê passaram 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado…
Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas…
Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo…
E tem mais: não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo.
Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terá será a desse tempo que, infelizmente, nunca mais voltará.

Mário Quintana

1 149 150 151 152 153 155